Páginas

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Transporte público (trem, tram, metrô, ônibus)não é de graça na Holanda e em nenhum lugar do mundo!(*-*)

Gente, vim aqui rapidinho só pra deixar esse post. Estive com visita do Brasil aqui em casa e fiquei surpresa quando ela disse que leu em um blog de turistas brasileiros, que o transporte público na Holanda era de graça! ainda bem que ela estranhou essa informação e pesquisou mais à fundo, senão seria mais uma à pagar mico internacional e ainda levaria uma boa multa de lembrança, o mico ainda vá lá mas e a multa? Parece que os tais viajantes, desinformados, entraram no trem sem antes pedir nenhuma informação aos trocentos funcionários da estação, se deveriam comprar ou não(sendo a última opção impossível, isso qualquer criança de 5 anos sabe). Vai ver eles queriam encontrar a roleta de cobrança e o cobrador sentado com a cara mais feliz do mundo pra receber o dinheiro deles >_>, aqui não é assim, o tal cobrador, na verdade só checa se vc pagou, vc não pode comprar passagem já estando dentro do trem, é multa na certa, os brasileiros deram sorte pois no vagão que eles estavam não apareceu o dito cujo, se tivesse, seriam duas multas bonitas de 35 à 50 euros. Dependendo da rota, as passagens ficariam de 4 à 2 vezes menor que esses valores.

Quer andar de Tram, metrô ou ônibus na Holanda? compre o chipkaart, custa 12,50e você ganha 4,50 euros de crédito. Passe-o em uma das maquininhas que ficam penduradas na entrada do tram e ônibus e quando chegar ao destino final, não esqueça de passar novamente, pois ele cobra 4 euros e dependendo seu trajeto, ele te devolve o resto. Não existe valor definido para o preço da passagem, pois você paga por kilômetro percorrido. No metrô, vc passa na maquininha que fica na entrada. Esse desenho vermelho é o lugar de passar o cartão. Quando acabarem os créditos, vá à uma máquininha self-service e encha-o(pagamento no cartão de crédito ou débito) ou vá à um guichê na estação de trem.

A história muda para o trem que não aceita chipkaart, a passagem é à parte. Vc pode comprar usando as máquinas self-service, ou ir até guichê(único na estação) e comprar com um atendente. É cobrada uma tarifa.

Editado:O trem aceita o chipkaart sim, mas vc precisa autorizar na NS-Nederlandse Spoorwegen(Transporte Ferroviário da Holanda) o uso para o trem também. Só fica mais complicado para quem estiver à passeio, fica mais fácil fazer uso dessa função pra quem mora aqui, caso contrário, melhor usar a forma tradicional.

5 comentários:

Kenia Mello disse...

Menina, pois aqui é justamente o lugar onde TUDO é pago. :P Na primeira vez em que estive aqui (2002), lembro que fiquei chocada por ter de pagar para ir no banheiro do shopping, mas certos tipos de gafe como esse de achar que transporte público é de graça, nunca. Hehehe

Simone Westerduin disse...

esse chipkaart é o OV? Porque se for a maioria dos trems aceita, clica na estacao na ida e na estacao em que desembarcar. Eu tenho um OV que saiu de graça, é aquele "anonimo", o único downside é que pra usar para trens tem que sempre ter o minimo de 20 euros de crédito, o que eu acho um absurdo, mas fiquei sabendo que se você tem o OV com o seu nome, porque até ficar negativo que cobre na próxima viagem

beijao

Rydi disse...

Kenia,
Esses foram muito bizonhos né? XD

Simone,
É tem o OV chipkaart também, mas ele não vale para todas as estações, pelo menos aqui em Rotterdam nunca vi nenhuma maquininha, tinha esquecido essa outra opção. Vou dar uma atualizada no post. Valeu :)

Simone Westerduin disse...

Oie Rydi eu nao sabia desse outro cartão. sabe que no dia que fomos pegar o trem em Rotterdam, subimos pra estacao e chegando lá nao tinha a maquininha, o trem já estava na estação, resultado: descemos pra clicar na central, lá embaixo e perdemos o trem :(

Rydi disse...

Simone,
Na verdade é o mesmo chipkaart, só que vc precisa autorizá-lo à usar no trem. Não sei se vc precisou fazer isso.